Post Top Ad

Web Radio Venus

PUBLICIDADE

terça-feira, 31 de dezembro de 2019

dezembro 31, 2019

Mulher esfaqueia homem após discussão em bar na cidade de Araripina

A GTRI 9.012 da 9ª CIPM por volta das 03 horas dessa segunda-feira, 30 de dezembro foi acionada pela central, pois havia dado entrada no Hospital Santa Maria uma pessoa vítima de perfuração com arma branca.

Chegando ao local foi constatado o fato, onde a vítima, GEILDO PEREIRA DA SILVA, 42 ANOS, solteiro, gerente de produção, residente à rua Brasilina Siqueira Amorim, nº 274, no Cavalete I, Araripina relatou que estava em sua residência quando a pessoa de MARIA CLEIDE DA SILVA, 46 ANOS, amasiada, autônoma, residente no Beco por trás do mercadinho São José, Bairro Planalto, Araripina chegou e após discussão a mesma desferiu um golpe de faca em seu braço direito se evadindo do local.

Logo em seguida, foram realizadas diligências na residência da mulher e no seu bar, porém sem êxito, diante dos fatos o B.O foi registrado na DPC de Araripina.

 A vítima foi mantida em observação no hospital, mas sem grandes riscos de morte de acordo com os BOs 2475/2019 M-10954996.
9ª CIPM Araripina/
Fonte Emanoel Cordeiro
dezembro 31, 2019

Inconformada com o fim do relacionamento mulher decepa dedos do ex em Araripina

Às 13 horas e 40 minutos dessa segunda-feira, 30 de dezembro a CGTI 9.550 da 9ª CIPM, quando em rondas foi solicitada pela central informando que no sitio São Miguel em Araripina estaria havendo uma confusão.

Chegando ao local a vítima, FRANCISCO FÁBIO ALVES DA SILVA, 39 ANOS, solteiro, plaqueiro, residente naquela localidade relatou que sua ex companheira, CRISTINA SOUZA, 37 anos, solteira, pensionista, residente também no sitio São Miguel inconformada com o término do relacionamento entre eles e visivelmente embriagada e transtornada o agrediu com um pedaço de madeira ferindo-lhe a cabeça, além de atacá-lo com uma faca e cortar seu dedo da mão direita, além disso a mulher desferiu inúmeras ameaças com as seguintes palavras:

 “irei meter 06 balas em sua cara” e que chamaria um primo dela chamado Zé Nilton para matar a vítima.
Diante dos fatos, as partes foram conduzidas para DPC de Araripina-PE, onde foi necessário o uso de algemas seguindo os critérios da súmula vinculante nº11, para segurança das partes e também do efetivo policial. 

A faca utilizada no crime não foi localizada, apenas foi encontrado o pedaço de madeira e a mulher foi submetida a um TCO de acordo com os BOs 2478/2019 M-10955352.
9ª CIPM/
Fonte Emanoel Cordeiro

segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

dezembro 30, 2019

Homem morre vítima de atropelamento no Sertão de PE nesta segunda-feira

Um acidente no início da manhã de hoje (30), no trevo da cidade de Ipubi, no Sertão pernambucano, deixou um homem morto. 
 
A vítima estava num ponto de ônibus esperando para viajar para Ouricuri, quando foi pedir informações, e ao atravessar a rua foi atropelado.

Segundo informações do AfNews, a polícia está no local buscando informações sobre a família da vítima, pois ainda não conseguiu identificá-lo.

Fonte: O Povo com a Notícia

domingo, 29 de dezembro de 2019

dezembro 29, 2019

Mulher mata companheiro atropelado e confessa crime em vídeo







     

Uma
mulher foi presa em flagrante após matar o companheiro atropelado em Ituverava
(SP) na noite do sábado (28). Logo após o crime, ela gravou um vídeo
confessando o crime e disse que estava sendo ameaçada.




"Matei. Matei porque ele falou que eu ia morrer",
disse Cláudia Aparecida Fernandes Nascimento, de 47 anos, em gravação publicada
nas redes sociais.






Segundo informações registradas em boletim de ocorrência,
Adriano Joaquim Sampaio, de 45 anos, morreu após ser atingido duas vezes de
carro no bairro Marajoara, por volta das 20h40. 


Ela foi levada ao plantão policial, onde foi indiciada por
homicídio qualificado doloso, cometido quando há intenção de matar, e por
embriaguez ao volante. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP/SP), a
mulher apresentou sinais de transtorno e afirmou ter bebido antes de dirigir.


Ela passou por audiência de custódia neste domingo (29) no
Fórum de Ituverava e foi encaminhada para a penitenciária feminina da Guariba
(SP), de acordo com a TV Globo. 


De acordo com a SSP, a vítima foi arrastada por alguns metros
e ficou preso nas ferragens. Quando os agentes chegaram ao local, encontraram o
homem sob o carro e confirmaram a morte. O corpo foi retirado com a ajuda de
moradores.


Pouco antes da chegada das equipes, a mulher começou a gravar
um vídeo, em que confessa ter atropelado Adriano.
Ela conta que tinha uma medida protetiva, mas vinha sendo
ameaçada de morte por ele.



"Se eu tiver que chorar eu vou chorar, porque eu amo,
mas de arrependimento eu não vou chorar. Ele me fez sofrer", disse.


Ainda enquanto Cláudia gravava o vídeo, era possível ouvir o
som de sirenes no local. A mulher se recusou a fazer o teste do bafômetro, mas
teve a embriaguez constatada por um médico legista. (Via: BNews)

sábado, 28 de dezembro de 2019

dezembro 28, 2019

Homem bate na mãe e a mantém em cárcere privado em ST

Policiais Militares do 14° BPM foram solicitados por populares às 16h10 desta sexta-feira (27), após serem informados que na Quadra 27 do bairro Vila Bela, em Serra Talhada, um homem estava agredindo a própria mãe e a irmã. 

Chegando ao local, a irmã confirmou a violência mostrando uma lesão na perna direita.A PM verificou que o ferimento estava sangrando bastante. A vítima também disse que o irmão agressor além de bater na mãe a estava mantendo em cárcere privado. 

Depois de muitas tentativas, o efetivo conseguiu acesso à residência onde o acusado estava mantendo a senhora trancada contra sua vontade.

Em conversa com o efetivo da PM, ela confirmou a denúncia da filha, de que havia sido agredida, e revelou que já vinha apanhando do filho em outras ocasiões. Diante dos fatos, as partes foram conduzidas à Delegacia local, onde foi instaurado inquérito. Conteúdo Farol de Notícias

sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

dezembro 27, 2019

2020 no xadrez: Saiba quem são os políticos que não tem vergonha na cara vão passar a virada atrás das grades

A lista de políticos que vão passar o Réveillon na cadeia é ampla e inclui ex-governadores, ex-ministros, ex-deputados federais e estaduais.

Confira abaixo alguns dos nomes mais famosos que vão ver o sol nascer quadrado em 1º de janeiro de 2020:

Sérgio Cabral: Preso desde novembro de 2016, o ex-governador do Rio de Janeiro se tornou réu por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisa. As penas já somam quase 200 anos de cadeia, que são cumpridos em Bangu 8.

Eduardo Cunha: Preso também em 2016, o ex-deputado foi condenado a 15 anos e 4 meses de prisão por lavagem de dinheiro, corrupção passiva e evasão de divisas. Em 2018, Eduardo Cunha ainda foi alvo de outra sentença, desta vez, de 24 anos e 10 meses de prisão em processo sobre desvios na Caixa Econômica Federal. Ele está preso no Complexo Médico-Penal em Pinhais, no Paraná.

Geddel Vieira Lima: O ex-ministro de Michel Temer está preso no Centro de Observação Penal, na Mata Escura, em Salvador, após ser transferido da Papuda, em Brasília, na última sexta-feira (20). Em setembro de 2017, a Polícia Federal descobriu R$ 51 milhões escondidos dentro de um apartamento atribuído à família Vieira Lima.

Nelson Meurer: O ex-deputado federal Nelson Meurer foi acusado de ter recebido, com a ajuda de seus filhos, vantagens indevidas para dar apoio político à permanência de Paulo Roberto Costa na diretoria de Abastecimento da Petrobras.
 
 O ex-deputado foi condenado pela 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A prisão do ex-parlamentar foi determinada no final de outubro e a pena é de 13 anos e 9 meses.

José Carlos Bumlai: O empresário foi condenado pela participação, obtenção e quitação fraudulenta do empréstimo no Banco Schahin, no valor de R$ 12 milhões, em 2004. Bumlai também é acusado de participação, solicitação e obtenção de vantagem indevida em contrato entre a Petrobras e o Grupo Schahin para a operação do Navio-Sonda Vitória 10.000. (Via: Agência Brasil)

quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

dezembro 26, 2019

Um policial vestido de Papai Noel acabou prendendo um homem enquanto realizava a entrega de presentes à crianças, no bairro de Bela Vista, no município de Colatina, no Espírito Santo, na terça-feira (24). De acordo com o site Uol, no momento da prisão acontecia uma ação de doação de objetos da Polícia Militar para a comunidade. O agente fantasiado de " bom velhinho" que realizava a entrega dos objetos aos moradores reconheceu o suspeito. Ao consultar o sistema de pessoas com passagens na polícia foi constatado que o homem foi condenado a cinco anos e três meses de prisão por furto em loja de roupas em Colatina. O acusado foi identificado pelos policiais como Luis Carlos de Souza. Ele foi levado para a delegacia da cidade e encaminhado para uma unidade prisional. Blog: O Povo com a Notícia



Quero que ele (suspeito) pague o que ele fez. Que sofra o que o meu filho sofreu para morrer. Quero justiça“. O desabafo é do pai do bebê Pablo Miguel Amorim, que morreu após ter o corpo incendiado com gasolina por um homem, durante uma festa, na cidade de Casa Nova, no norte da Bahia.

João Domingos Santos ateou fogo na vítima e na tia do bebê. Ele é vizinho da família, apresentava sinais de embriaguez e foi preso após o crime. Segundo a polícia, ele confessou a ação, mas negou que teria intenção de matar. João responderá por homicídio e tentativa de homicídio

Ele (suspeito) estava de trás, bêbado, botou a gasolina na boca e jogou (nas vítimas) sem motivo nenhum. Jogou neles e tocou fogo neles dois. Ela (tia da criança) disse que foi rápido demais para pegar fogo nos dois. Foi questão de segundos“, detalhou o pai do bebê.

O sepultamento de Pablo Miguel está previsto para hoje (26) no povoado de Barra dos Barnabés, na zona rural de Casa Nova (BA), onde a família mora. (Via: G1 BA)
dezembro 26, 2019

Policial fantasiado de Papai Noel prende foragido da justiça durante entrega de presentes

Um policial vestido de Papai Noel acabou prendendo um homem enquanto realizava a entrega de presentes à crianças, no bairro de Bela Vista, no município de Colatina, no Espírito Santo, na terça-feira (24).

De acordo com o site Uol, no momento da prisão acontecia uma ação de doação de objetos da Polícia Militar para  a comunidade. 
 
O agente fantasiado de " bom velhinho" que realizava a entrega dos objetos aos moradores reconheceu o suspeito. Ao consultar o sistema de pessoas com passagens na polícia foi constatado que o homem foi condenado a  cinco anos e três meses de prisão por furto em loja de roupas em Colatina.

O acusado foi identificado pelos policiais como Luis Carlos de Souza. Ele foi levado para a delegacia da cidade e encaminhado para uma unidade prisional.

Fonte: O Povo com a Notícia

quarta-feira, 25 de dezembro de 2019

dezembro 25, 2019

Uma menor e uma mulher matam Taxista em Petrolina, no Sertão de PE

No final da manhã desta terça-feira dia (24), por volta das 11:55, a Central do 5º BPM recebeu informação de que duas mulheres estavam esfaqueando um Taxista, na Estrada das Bananas, no PSNC C-3, próximo ao Galpão Codevasf, no município de Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

De imediato foi enviada a GT 25101 que constatou a veracidade, encontrando a vítima Aloisio Fernandes Pereira, ferido por vários golpes de faca. Ainda de acordo com informações repassadas ao Blog O Povo com a Notícia, o SAMU chegou no local e constatou o óbito da vítima. 

O efetivo 25101 conseguiu localizar e deter as duas acusadas de cometer o crime. Elas foram identificadas como sendo Cintia Vanessa dos Santos Lima, 23 anos, e uma menor de idade.

Elas informaram a PM que pegaram o táxi no Centro da cidade, e testemunhas afirmaram ter visto as duas esfaqueando o taxista para roubar o carro dele.  

Cumprindo os protocolos operacionais, as Equipes: Operações, GATI e NIS-4 foram informados da situação e compareceram ao local, onde o GATI isolou o local do crime até a chegada do IC que após procedimentos periciais removeu o corpo para o IML.

Blog: O Povo com a Notícia

segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

dezembro 23, 2019

Aberração Jovem de 20 anos é detido por suspeita de estuprar a própria mãe em Caruaru

Um jovem de 20 anos é suspeito de estuprar a própria mãe, um mulher de 42 anos, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. 

Segundo a vítima, o estupro aconteceu no bairro de João Barreto, no sábado (21). No entanto, ela sofreu ameaças e ficou com medo de denunciar. Mas no domingo (22), ela sofreu mais um abuso.

A vítima contou para uma vizinha sobre o estupro, que acionou a polícia. Ao chegar ao local, os policiais do 1º BIEsp (Batalhão Integrado Especializado) ouviram a mulher, que confirmou o crime.

O suspeito foi detido e encaminhado para a Delegacia de Plantão de Caruaru e será apresentado, nesta segunda-feira (23), em audiência de custódia.

Desabafo
A vizinha que acionou a polícia e não será identificada contou que ficou assustada quando foi procurada pela amiga. “Eu desci com ela e os policiais até a residência dela, mas ele não se encontrava.

 Ele estava numa caso do lado, escondido dentro de uma caixa d’água. O que chegou no meu ouvido foi uma monstruosidade. Eu disse: isso não é coisa de Deus. Isso é coisa do próprio diabo.

 Isso é um monstro, ele é um bicho. Ele não merece ficar livre, merece mofar na cadeia”, desabafou a mulher. “Isso não existe. Mãe é pra ser honrada e respeitada“, completou. (Fonte: Rádio Jornal)

sábado, 21 de dezembro de 2019

dezembro 21, 2019

Entenda a diferença entre indulto e saída temporária de Natal para presos brasileiros

Quando o final do ano chega, é comum se ouvir falar que determinado detendo vai ser beneficiado com o indulto natalino. Mas, na maioria dos casos, o termo é utilizado como sinônimo de saída temporária de Natal, o famoso saidão. No entanto, é importante esclarecer que se tratam de coisas completamente diferentes, apesar de ambos serem benefícios concedidos pela Justiça.

O saidão de Natal está previsto na Lei de Execução Penal e acontece sempre que há datas comemorativas específicas: Natal, Páscoa, Dia das Mães e Dia dos Pais, não podendo ultrapassar o período de 35 dias ao longo do ano.

São beneficiados somente os presos que cumprem pena no regime semiaberto (penúltimo estágio de cumprimento da pena) com autorização para saídas e bom comportamento carcerário nos últimos três meses.

São os juízes de varas de execução penal de todo o país que estabelecem quais serão os critérios para a saída temporária, como o retorno ao presídio em dia e hora determinados.

Além disso, os agentes do sistema prisional fazem visitas aleatórias nas residências dos presos para conferir se as determinações impostas estão sendo cumpridas.O benefício da saída temporária tem como principal objetivo a ressocialização de presos.

Já o indulto natalino é um perdão da pena regulado por um decreto expedido pelo presidente da República. Podem ser beneficiados os detentos que possuem bom comportamento; presos há determinado tempo; portadores de doença grave; e os que não respondem a processo por crime praticado com violência ou grave ameaça.

No entanto, os condenados que cumprem pena pelos crimes de tortura, terrorismo, tráfico de entorpecentes e os condenados por crime hediondo não podem ser beneficiados pelo indulto. (Via: Agência Brasil)

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

dezembro 20, 2019

Operação afasta prefeito, vice e presidente da Câmara de Itapissuma

O prefeito de Itapissuma, José Bezerra Tenório Filho (PSD), conhecido como Zé de Irmã Teca, foi afastado na Operação Dragão do Mar, deflagrada pela Polícia Civil de Pernambuco nesta sexta-feira (20).

A investigação apura supostas irregularidades no programa de Frente de Serviço, da área de assistência social no município da Região Metropolitana do Recife. A ação deverá ser suspensa por decisão judicial.

De acordo com o delegado Jean Rockfeller, houve suposto desvio de R$ 10 milhões.

Além dele, foram afastados a vice-prefeita, Elionilda José de Santana (PP); o presidente da Câmara de Itapissuma; o primeiro secretário da Casa; e quatro secretários municipais, das pastas de Finanças, Assistência Social, e do distrito de Mangabeira.

A prisão do prefeito e de outros políticos chegou a ser pedida, mas não foi autorizada pela Justiça.

Em entrevista à TV Jornal, Jean Rockfeller afirmou que recursos que deveriam ir para o programa de assistência social teriam sido desviados para cabos eleitorais que atuavam em limpeza urbana. De acordo com a polícia, não havia licitação para a área.

O delegado afirmou que a gestão “praticamente loteou a cidade para fins pessoais, de angariar votos e desviar recursos”. 

Os mandados foram expedidos pelo desembargador Alexandre Guedes Alcoforado Assunção.

Os investigados estão ainda proibidos de manter contato com as testemunhas.

Foram apreendidos computadores, celulares, cofres, armas, entre outros objetos.

A Polícia Civil cumpre 21 mandados de busca e apreensão domiciliar, cinco de suspensão do exercício do cargo eletivo, 12 de afastamento da função pública e uma quebra de sigilo bancário.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações começaram após uma denúncia anônima em julho, no Draco, o Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado. A delegada responsável é Viviane Santa Cruz.

São investigados os crimes de falsidade ideológica, peculato, frustração de direito assegurado por lei trabalhista, dispensa e inexibilidade de licitação fora das hipóteses legais, crime de responsabilidade e organização criminosa. (Via: Blog do Jamildo)

quarta-feira, 18 de dezembro de 2019

dezembro 18, 2019

Ouricuri: Homem é assassinado no bairro Bigodão na noite de hoje, quarta-feira (18)

O homem de prenome Itamar foi assassinado na noite desta quarta-feira (18) em Ouricuri-PE, Sertão do Araripe. 

O crime aconteceu por volta das 19 horas na Avenida Manoel Irineu de Araújo,  no bairro Bigodão.

As primeiras informações sobre o ocorrido é que Itamar que é pedreiro foi alvejado por vários disparos de arma de fogo, não resistiu e veio a óbito no local.  

Em breve mais detalhes sobre este crime.
Fonte Cariri Filho
dezembro 18, 2019

Pai e filha de 8 meses são alvejados a tiros em Orocó, no Sertão de PE

Nesta quarta-feira dia (18), foi registrado uma tentativa de homicídio no município de Orocó, no Sertão pernambucano, e segundo informações, pai e filha de 8 meses foram alvejados a tiros por dois elementos não identificados que estavam em um moto.

Ainda de acordo com a polícia, Camilo Brito e sua filha de 8 meses foram alvejados, quando Camilo estava estacionando seu veículo Gol de cor branca, de placa KMA-5785, em frente a sua residência.

Sua filha de 8 meses foi atingida no braço. Ambos foram encaminhados para o hospital local e não correm risco de morte. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: O Povo com a Notícia

segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

dezembro 16, 2019

Ipubi: Homem é morto a facadas após tentar defender mulher de ex-marido

Um jantar que tinha tudo para ser romântico terminou em tragédia na Avenida Getúlio Vagas, no Centro de Ipubi, Sertão do Araripe. 

Franklin Lubervanio Gomes de Oliveira, de 40 anos, estava jantando com Maria Eunice da Conceição, 37 anos, quando o ex-companheiro dela chegou agredindo-a com tapas e o namorado, tentando defendê-la, terminou sendo ferido por vários golpes de faca.

De acordo com a 9ª CIPM, que fez a ocorrênc
ia na noite deste domingo (15), a vítima chegou a ser socorrida para o hospital da região, mas faleceu no caminho.

 O acusado, identificado como Edimilson José da Silva, fugiu do local do crime e segue procurado pela polícia. Esse foi o quinto homicídio do ano em Ipubi e o 47º na Região do Araripe no mesmo período.
Fonte Carlos Britto
dezembro 16, 2019

Homem é morto após tentar defender mulher de agressões do ex-companheiro, no Sertão de PE

Um homem de 40 anos foi assassinado a facadas na noite do domingo (15), na Avenida Getúlio Vagas, no Centro de Ipubi, Sertão de Pernambuco. 
 
De acordo com informações da polícia, Franklin Lubervanio Gomes de Oliveira estava jantando com uma mulher, quando o ex-companheiro dela, identificado como Edimilson José da Silva, chegou e começou a agredi-la com tapas.

Testemunhas disseram aos policiais que a vítima tentou tentou defender a mulher e acabou sendo ferido por vários golpes de faca. Franklin Lubervanio chegou a ser levado para o hospital, mas já havia morrido. A mulher teve ferimentos na região do pescoço e braço. Ele foi internada e não corre risco de morte.

O autor do crime, Edimilson José da Silva, fugiu do local e está sendo procurado pela polícia. (Via: G1 Petrolina)
dezembro 16, 2019

Mulher é morta pelo companheiro no Residencial Vivenda, em Petrolina; suspeito foi encontrado morto

Uma mulher foi morta a facadas na madrugada desta segunda-feira (16), na casa onde morava no Residencial Vivendas, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco.
 
 De acordo com informações da Polícia Civil, a suspeita é que Edilene Xavier da Silva, de 45 anos, tinha sido assassinada pelo companheiro.

De acordo com o G1 Petrolina, a polícia esteve na casa onde o crime foi cometido e encontrou os corpos da vítima e do marido, identificado como Antônio Jonatian Silva Souza.
 
 A suspeita é que ele tenha cometido suicídio. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Fonte: O Povo com a Notícia

sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

dezembro 12, 2019

Cadência da lei desse estado Nos quatro anos do assassinato de Beatriz, família volta a protestar em frente a colégio e advogado reforça luta por federalização do caso


Há quatro anos o dia 10 de dezembro tem sido de angústia para o casal Sandro Romilton e Lúcia Mota. Foi nessa data, em 2015, que a pequena Beatriz Angélica Mota (então com sete anos) foi brutalmente assassinada com 42 facadas dentro do Colégio Maria Auxiliadora, em Petrolina, durante uma festa de encerramento do ano letivo. O crime até hoje permanece sem respostas, mas Sandro e Lucinha não desistem de clamar por justiça. Pelo contrário.

 No final da tarde de ontem, acompanhados por amigos da família e demais integrantes do Movimento ‘Somos Todos Beatriz’, eles saíram de casa para protestar.

O grupo se concentrou na Praça Maria Auxiliadora, Centro da cidade, e fez uma vigília em memória da menina. Mesmo emocionada, Lucinha voltou a criticar duramente a condução das investigações e também o colégio onde sua filha foi morta.

São quatro anos de dor, de sofrimento, de luta, de resistência. Mas a única vítima nessa história foi Beatriz. Ela teve seus sonhos interrompidos porque o colégio não quis investir em segurança e não prestou serviço de segurança no dia 10 de dezembro (de 2015). 

A Polícia Civil de Pernambuco não cumpriu com seu papel de investigar e punir os verdadeiros culpados”, declarou.

Mesmo tendo acesso ao inquérito, a mãe de Beatriz não pode divulgar detalhes porque o caso corre em segredo de justiça e ela assinou um termo de compromisso. Apesar disso, Lucinha disse que a investigação paralela que a família vem fazendo pode ser informada à sociedade. Ela afirmou que o inquérito policial que trata do crime “é formado por erros”, inclusive o fato de um perito da PCPE ter vendido um plano de segurança para o colégio. “Por que ele fez isso? Quais eram suas intenções?”, desabafou.
Luta
Pai da menina, Sandro Romilton endossa as palavras de Lucinha. “A Polícia Civil, que é a responsável por nos dar esclarecimentos, e também o Ministério Público, que tem uma investigação para tentar resolver o caso, mas a única resposta que a gente ouve é a que todos já sabem. Mas isso é angustiante. 

Já são quatro anos e nada está sendo feito”, lamentou o pai de Beatriz, acrescentando não ter dúvidas, por informações as quais teve acesso, foi de que houve de alguma maneira uma interferência externa no caso. “Vamos guardar esse sigilo conosco, mas estaremos mais fortes do que nunca nesse trabalho paralelo. Temos as nossas investigações. Concordamos com algumas que estão no inquérito, não concordamos com outras. 

Eu e Lúcia não temos expertise, mas é bom dizer que (a investigação paralela) é legal e temos apoio de pessoas da área de segurança”, completou Sandro.

Também presente durante o ato público, o advogado da família, Jaime Badeca reforçou que a intenção é federalizar o Caso Beatriz. “Estamos absolutamente focados em federalizar o caso, porque entendemos que quatro anos é tempo suficiente para qualquer aparato policial desvendar ou elucidar qualquer caso”, pontuou.
Fonte  Carlos Britto
dezembro 12, 2019

Veja os principais pontos do pacote anticrime aprovado no Senado

O texto do pacote anticrime aprovado pela Câmara dos Deputados passou também, nessa quarta-feira (11), no Senado. Como não houve alterações, agora, vai a sanção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Embora mantenha parte do texto encaminhado pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, no início do ano, o pacote anticrime foi modificado pelos deputados.
 
 Os parlamentares retiraram trechos como a previsão do excludente de ilicitude para policiais que cometessem crimes “sob medo, surpresa ou violenta emoção” durante operações.

“[O pacote] trazia como eixo o endurecimento da legislação penal e a adoção de um conjunto de instrumentos estranhos à nossa legislação, que foram felizmente retirados. Ainda questionamos algumas medidas, mas está bem melhor do que a [versão] original. 
 
Se não aprovarmos o desenho que temos, estaremos sujeitos a retrocessos maiores”, afirmou o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), na sessão.

Veja os principais pontos do pacote anticrime aprovado:

Tempo máximo de prisão passa de 30 para 40 anos

Aumentam as penas para diversos crimes, como calúnia, injúria e difamação em redes sociais, que passa de 3 anos de reclusão para 9 anos. Roubo praticado com violência ou grave ameaça à vítima, por exemplo, passa a ter o dobro da pena

Passa para três anos o período máximo que líderes de facções criminosas podem permanecer em presídios federais. Hoje, é de um ano

Detentos condenados por crimes hediondos – quando há violência e grande potencial ofensivo – terão regras mais rigorosas para o cumprimento da pena, como restrição a saídas temporárias e à progressão de regime

Crimes como roubo que resulta em lesão grave, furto com explosivo e homicídio cometido com arma de fogo de uso restrito passam a ser considerados hediondos

Muda o tempo de cumprimento de pena necessário antes da progressão do regime:



Via: Agência Brasil

Translator