Post Top Ad

Radio Web São Sebastião

PUBLICIDADE

domingo, 4 de novembro de 2018

Indígena de 15 anos morre, pai, mãe e irmã ficam feridas após raio cair em aldeia indígena na divisa do Mato Grosso com Rondônia

Sobrevivente de 14 anos continua internada no Hospital Regional



Uma adolescente indígena de 15 anos, identificada como Irinete Sabanê, morreu na tarde de ontem, após ser atingida por um raio na aldeia Aroeira, que fica a 20 km de Vilhena, já no Estado do Mato Grosso. Uma professora de Vilhena, que acaba de retornar do velório da garota, deu detalhes do episódio.

Segundo a entrevistada, após passar alguns dias com o filho internado no Hospital Regional de Vilhena, Irinete retornou para a aldeia. Ontem à tarde, durante um temporal, ela foi fechar a porta da casa de madeira, onde estava em companhia de outros familiares.

A descarga elétrica teria atingido também a irmã mais nova de Irinete, uma menina de 14 anos, identificada como Marinete. Os pais das duas garotas, o pajé Simão Sabanê e sua esposa, Marlinda, também receberam o choque, mas não se feriram.

As irmãs Sabanê foram trazidas para Vilhena, mas Irinete já chegou sem vida ao Hospital Regional. A irmã dela continua internada na unidade, mas não corre risco de morrer. Fonte
Folha do Sul Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translator