Post Top Ad

Radio Web São Sebastião

PUBLICIDADE

sexta-feira, 31 de agosto de 2018

agosto 31, 2018

Jovens entram para o tráfico cada vez mais cedo, diz ONG


Pesquisa aponta que o percentual dos que disseram ter entrado no crime com até 12 anos de idade passou de 6,5%, no levantamento realizado de 2004 a 2006, para 13%, em 2017

 Percentual dos que entraram no crime com até 12 anos passou de 6,5% (em 2004 a 2006) para 13% (em 2017) - Rio -  Uma pesquisa realizada pela ONG Observatório de Favelas, com sede na Maré, mostrou mudanças no perfil do jovem que atua no tráfico do Rio. Em uma década, a entrada no crime passou a ser mais precoce. 

 

O percentual dos que disseram ter entrado no crime com até 12 anos de idade passou de 6,5%, no levantamento realizado de 2004 a 2006, para 13%, em 2017.

 

A pesquisa também mostrou dados sobre a religiosidade dos 'trabalhadores' do comércio de drogas. Desde o último estudo da ONG, o percentual dos entrevistados declarados evangélicos saltou de 17% para 31,1%, no ano passado.

 Já a fatia dos que dizem ser católicos caiu de 39,1% para 11,1%.
A pesquisa da organização ouviu 261 jovens e adolescentes, sendo 150 ativos no varejo de drogas do Rio e 111 adolescentes detidos no Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase). A maior parte dos ouvidos (62,8%) tinha entre 16 e 24 anos e se identificava como preta e parda (72%). 

As mães foram majoritariamente citadas como responsáveis pela criação dos entrevistados (50,2%), e 62% disseram que a motivação para a entrada no crime foi o auxílio à família.

Além dos envolvidos no tráfico, três policiais militares e sete especialistas em saúde responderam a dois questionários específicos para cada grupo, respectivamente. 

A intenção da inclusão desses profissionais na pesquisa é traçar "uma análise qualitativa sobre o quadro de Segurança Pública e política de combate às drogas, com enfoque na área da saúde", afirma a diretora do Observatório de Favelas, Raquel Willadino.

Segundo a responsável pela instituição, o objetivo geral da pesquisa consiste em atualizar os dois últimos estudos feitos sobre a temática, o primeiro em 2001 e o segundo entre 2004 e 2006, e contribuir para "romper com os estigmas que estão vinculados aos jovens envolvidos com o tráfico de drogas", explica Willadino.

"O que a gente pretende é oferecer subsídios para a construção de políticas e ações públicas que visem a superação da lógica da guerra às drogas, a fim de garantir o direito à Segurança Pública", conclui Willadino.

Instituições de ensino mais atrativas x convite ao tráfico
Ao cruzar os dados da pesquisa, as instituições de ensino passam a ser avaliadas como ponto-chave da transferência ou não desses jovens para os pontos de venda de drogas nas favelas do Rio de Janeiro.

 Segundo o estudo, 78% dos entrevistados, entre ativos no varejo e detidos no Degase, abandonaram a escola entre o 5º e o 7º ano do ensino fundamental, ou seja, na faixa etária de 13 a 15 anos de idade.

Segundo Willadino, isso "aponta para a necessidade de aplicar estratégias de prevenção no que tange a melhoria das instituições de ensino". Uma vez que, nesse contexto, a escola deve assumir a posição de rival do tráfico no conflito de interesses inerente a mente de um jovem morador de favela.

Associação do ingresso ao tráfico com a falta de oportunidade de emprego questionada
A tese de que a oferta perene de funcionários do tráfico está ligada à baixa oportunidade de emprego é refutada pelo seguinte índice: 66% dos entrevistados tiveram experiências de trabalho.

"Esse dado revela que não se trata apenas de ter ou não uma oportunidade de trabalho, mas qual a oportunidade que esse jovem tem. Normalmente são opções defasadas, precárias, que não dão a mesma expectativa de crescimento a curto prazo que o tráfico oferece", afirma Willadino.

Após o auxílio à família, em primeiro lugar com 62,1%, a intenção de "ganhar muito dinheiro" vem logo em seguida, com 47,5% das respostas, o que caracteriza a demanda pela aquisição de bens de consumo, de acordo com a diretora da ONG.

Saída voluntária do tráfico se manteve após mais de uma década
O percentual dos jovens que, em algum momento, deixaram o tráfico voluntariamente permaneceu o mesmo entre 2006 e 2017. Ambas pesquisas contabilizaram 40% dos entrevistados nesse quesito.


Para Willadino, esse índice merece muita atenção, pois representa a manutenção da intenção de saída do modus operandi do crime organizado baseado no livre arbítrio. No entanto, na maioria das vezes, esse grupo não é assistido da melhor forma pelas instituições públicas.


A diretora destaca que se houvesse um plano de políticas públicas que acolhesse esse nicho, a força do tráfico de drogas perderia cada vez mais força, à medida que as gerações se renovassem. "É preciso existir estratégias de prevenção ao ingresso (ao tráfico), mas também construção de novas trajetórias, alternativas para geração de trabalho e renda para os que querem sair desse meio", explica Willadino.

Outros índices relevantes da pesquisa:
- 68,8% têm de 16 a 24 anos
- 72% são negros ou pardos
- 50,2% citam as mães como responsável pela criação
- 70,2% assumem relacionamentos estáveis (37% casamento/33% namoro)
- 21,1% têm irmãos envolvidos no tráfico (11,7% em 2006)
 - 40% acreditam em Deus mas não tem religião

Fonte O Dia 
Por *Felipe Rebouças 

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

agosto 30, 2018

NOTICIAS POLICIAIS DESTA – QUINTA-FEIRA, 30 DE AGOSTO, 2018


EFETIVO DA 7ª APREENDE ARMA DE FOGO E RECUPERA MATERIAL FURTADO NA ZONA RURAL DE LAGOA GRANDE
 
Por volta das 16 horas e 30 minutos dessa quarta-feira, dia 29 de agosto, durante rondas na Operação Combate ao CVLI e CVP a GT sede foi solicitada pelo sobrinho do Sr. Francisco que informou que o seu tio teve sua Mercearia que fica no Sitio Barreiro Branco, Zona Rural de Lagoa Grande furtada por possíveis suspeitos que foram vistos por vizinhos com sacolas em cima de uma carroça de burro.


Diante das informações foram realizadas incursões nos sítios próximos onde com êxito foram localizados, Laudenor Gonçalves de Lima, 39 anos e Jairo Cicero Alves dos Santos, 28 anos, que ao avistarem o policiamento tentaram empreender fuga sendo necessário o uso da força para conte-los pois os mesmos encontrava-se com sintomas visíveis de embriagues.

Com um dos envolvidos foi encontrada uma Espingarda artesanal e um facão amarrado na cintura. Quando os detidos foram indagados pelos alimentos furtados na mercearia, mostraram onde haviam escondido.

Os alimentos e alguns materiais não perecíveis foram encontrados. A arma e todo material apreendido foi entregue na delegacia de plantão e os imputados autuados em flagrante e recolhidos. (GP Notícias 24 horas)

HOMICÍDIO EM ARARIPINA NO DISTRITO DE NASCENTE, DOENTE MENTAL MATA CUNHADO A GOLPE DE FOICE NA CABEÇA E TERMINA PRESO PELA POLÍCIA CIVIL

A equipe e PJES, composta pelo delegado Robson Américo de S. Arruda, Escrivã Shada Maria Mendes Macedo, Comissário Demétrio Calixto de Alencar, o agente Eduardo Carneiro Andrade e Ronielsson, sob o comando da Delegada Katyanna Muniz, tomou conhecimento de um homicídio ocorrido no Distrito de Nascente, em Araripina, por volta da 18 horas e 30 minutos dessa terça-feira, 28 de agosto na avenida Central, 264.

O crime ocorreu por ocasião de uma discussão da vítima EDINASIO DE SOUZA SOARES, 45 anos, com o acusado, JOSÉ NILSON SOARES BATISTA, 37 anos, natural de Ouricuri, que é deficiente mental. Na discussão, José Nilson dizia ser o dono da casa da vítima, tendo atingido o cunhado EDINÁSIO com uma foice na parte anterior da cabeça.

De acordo com outra versão de alguns populares, a vítima estaria discutindo com a esposa, no momento em que o acusado se aproximou e golpeou o mesmo.

O comissário Demétrio, juntamente com os agentes Eduardo e Ronielson, se deslocaram até o local do crime, juntamente com a equipe do Instituto de Criminalistica de Ouricuri, tendo capturado às 22 horas e 30 minutos da mesma data, o autor em flagrante delito, na Avenida Central, 264, Distrito de Nascente, Araripina, próximo ao cemitério, este foi levado até a Delegacia de Plantão de Ouricuri,  onde foi lavrado o auto de Prisão em Flagrante Delito, o qual irá responder pelo crime tipificado no Art. 121 parágrafo 1, incisos I, II e IV do GOV.

POLICIAIS CIVIS DA 24ª DESEC CUMPREM ORDEM JUDICIAL E PRENDEM HOMICIDA NO CEARÁ

 

Às 12 horas e 40 minutos dessa quarta-feira, 29 de agosto, a Equipe de Policiais Civis da Operação Malhas de Lei, composta pelos comissários Junior Araujo e Edelson Borges com apoio de Policiais Militares da 4ª Companhia de Campos Sales-CE e sob o comando do delegado municipal de Trindade PE, Dr. Moary Drumund e a coordenação da Dra. Katyanna Muniz – Delegada Seccional da 24ª DESEC-Araripina, deram cumprimento ao Mandado de Prisão, processo no. 103.03.2014.8.17.1510, Expedido pelo Juiz de Trindade-PE, Dr. Rodrigues Ramos Melgaço em desfavor de: LUIZ MIGUEL BEZERRA.

A prisão se deu no Assentamento Acoco-Base em campos Sales CE e após a prisão e os procedimento de praxe o mesmo fora recolhido na cadeia de Trindade-PE, onde foi autuado e responderá pelo crime tipificado no Art. 121 do CPB.

Informações da POLICIA CIVIL – Dinter II – 24° DESEC – 205ª Delegacia  Circunscricional de Trindade -PE.

POLÍCIA CUMPRE MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA CONTRA HOMEM EM TRINDADE 
Às 17 horas dessa quarta-feira, 29 de agosto, a Equipe de Policiais Civis da 205ª Circunscrição de Trindade e Equipe Malhas da Lei, composta pelos agentes Silvio, Paulo, Ronielson e os comissários Junior Araujo e Edelson Borges sob  comando do delegado Circunscricional de Trindade 

Dr. Moary Drumond e  coordenação da Dra. Katyanna Muniz-Delegada Regional da 24ª DESEC-Araripina, deram cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva requerida pela Autoridade Policial, processo no. 00205-83.2018.8.17.151, Expedido pelo Juiz de Trindade-PE, Dr. Paulo Ricardo Cassaro dos Santos, em desfavor de BENEDITO DE SOUZA CRUZ ,
A prisão ocorreu na Vila Saraiva em Trindade e após  os procedimentos de praxe o mesmo fora recolhido na cadeia de Trindade-PE, onde irá responder os Arts. 157 e 288 do CPB – Código Penal Brasileiro. roubo e formação de quadrilha.

MENOR DE 15 ANOS É FLAGRADO NO CENTRO DE ARARIPINA PORTANDO DUAS FACAS PEIXEIRAS E TERMINA APREENDIDO

A GTI 9.012, por volta das 02 horas dessa quarta-feira, 29 de agosto, ao fazer rondas nas proximidades da praça do hospital em Araripina, encontrou o adolescente das inciais A.L.F.N – 15 anos, residente no Planalto, ele estava de posse de 2 facas.

O adolescente infrator e as armas brancas apreendidas foram levados a DP de Araripina, onde foi aberto um procedimento especial por se tratar de um envolvido de menor idade, conforme BO 1888/2018, gerando assim um TCO.

GAROTA DE 15 ANOS É ACUSADA DE PLANEJAR ATENTADO EM TRINDADE CONTRA RAPAZ DE 18 ANOS E NEGA, AFIRMANDO SER UMA BRINCADEIRA

A GGI 9.031 GE GATI, por volta das 21 horas e 40 minutos dessa quarta-feira, dia 29 de agosto, recebeu informações dos Agentes Malhas da Lei de que a menor A.L.S – 15 anos,  estaria ameaçando e supostamente encomendando um atentado contra a vítima Emerson Leite do Nascimento,18 anos, residente no Trevo em Trindade.
Após ser localizada e indagada pelo efetivo policial, a mesma informou que não passava de uma “brincadeira”. 

 Diante dos fatos as partes juntamente com a mãe da menor foram conduzidas a DP de Trindade, mediante BO 1892/2018.

MENOR É APREENDIDO POR ROUBO EM EXU

A Guarnição Tática de Exu com o apoio da ROCAM localizou nesta quarta-feira, 29 de agosto na terra do Rei do Baião, Exu e conduziu a DP de Exu, o menor das iniciais F.C.S.N, 17 anos,

Contra esse adolescente, pesa a acusação de um roubado realizado no dia 25 de agosto um celular da vítima, Athus Aurélio Santana Moreira, 27 anos.
A ocorrência e o acusado foram entregues na DP de Exu.

POLICIAIS MILITARES DO 7º BPM APREENDEM TROUXA DE MACONHA E CACHIMBO DE FUMAR CRAQUE COM HOMEM EM EXU

Nesta quarta-feira, 29 de agosto, a equipe da ROCAM deteve e conduziu à delegacia da Polícia Civil, a pessoa das iniciais F.M.S – 42 anos, após localizar consigo, 02 (dois) cachimbos artesanais para uso de crack e 01(uma) peteca de maconha com aproximadamente 01 grama em sua residência na cidade de Exu. A ocorrência foi entregue na DP local.

POLICIAIS MILITARES DO 7º BPM PRENDEM HOMEM POR TRÁFICO DE AVES SILVESTRES EM PARNAMIRIM

Nesta quarta-feira, 29 de agosto, a equipe do GATI ao abordar os ocupantes de um ônibus da Viação Cruzeiro, localizou 57 aves silvestres em 03 gaiolas, que Luiz Coelho Ramos, 65 anos, assumiu ser o proprietário.

O acusado juntamento com as aves localizadas e apreendidas durante a abordagem policial, foram encaminhadas à Delegacia de Policia Civil na cidade de Salgueiro para as providências cabíveis, onde naquela especializada, foi lavrado em desfavor do acusado, um TCO – Termo Circunstanciado de Ocorrência..

Fontes  Emanoel Cordeiro/PMPE 7º BPM DE OURICURI – CMT – TEN CEL ANDRÉ LUIZGATI – 9ª CIPM ARARIPINA – CAP PM EDMAR/PCPE – 24ª DESEC ARARIPINA – DEL. KATYANNA MUNIZ

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

agosto 29, 2018

Ouricuri: Municipalização do trânsito, um sonho prestes a virar realidade

Comitê de Prevenção de Acidentes de Trânsito em Ouricuri COPATO, apresentou ao Comitê Regional de Prevenção de Acidentes CRPAM processo de trabalho que vem desenvolvendo para a Integralização do Município de Ouricuri ao Sistema Nacional de Trânsito.

Observação: As prefeituras tornam-se responsáveis pelo planejamento, projeto, operação, fiscalização e educação de trânsito, não apenas no perímetro urbano, mas também nas estradas municipais. 
 
Assumem as questões relacionadas ao pedestre, à circulação, ao estacionamento, à parada de veículos e à implantação da sinalização, atendendo de forma direta as necessidades da comunidade. 
 
 
Por menor que seja a cidade, deve ser feito tratamento especial para a circulação segura dos pedestres, ciclistas ou carroças. O trânsito não é feito só de automóveis ou caminhões.
ASCOM


terça-feira, 28 de agosto de 2018

agosto 28, 2018

Tempo gasto com celular preocupa adolescentes e pais, mostra pesquisa




O crescimento do uso de tecnologias digitais gera preocupações dos próprios usuários com os excessos do tempo gasto com esses dispositivos. Pesquisa realizada nos Estados Unidos apontou que mais da metade dos adolescentes entrevistados (54%) consideram passar muito tempo com o celular. 
 
levantamento foi uma iniciativa do centro de pesquisas Pew Research Center. Foram entrevistados 743 meninos e meninas de 13 a 17 anos e 1.058 pais de diversas regiões do país.
Quase metade dos jovens ouvidos (44%) disse checar o telefone assim que acorda para verificar o recebimento de novas mensagens. Segundo os dados, 28% relataram que agem assim de vez em quando.
 
 O tempo navegando em redes sociais foi objeto de preocupação de 41% dos adolescentes consultados. No caso de videogames, o percentual caiu para 26%. Do total, 58% comentaram sentir que devem responder a uma mensagem enviada, sendo 18% frequentemente e 40% em alguns momentos.
“Meninos e meninas tiveram percepções diferentes da quantidade de tempo que passaram usando várias tecnologias. Meninas são de alguma forma mais prováveis do que meninos de dizer que passam muito tempo em redes sociais (47% a 35%). 
 
Em contraste, garotos são quatro vezes mais prováveis de passar muito tempo jogando videogames (41% a 11%)”, analisaram os autores.
Mais da metade (56%) dos entrevistados relacionaram a falta de um telefone móvel a sentimentos negativos, como solidão, ansiedade ou raiva. Os índices são maiores no caso de meninas.
 
Embora a avaliação sobre os hábitos varie por dispositivo, parte importante dos entrevistados informou adotar medidas para reduzir a presença dessas tecnologias em suas vidas. Iniciativas de redução da intensidade do uso foram relatadas por 58% no caso de videogames, 57% para as mídias sociais e 52% para celulares.

Pais

Os autores da pesquisa também ouviram pais e mães para saber sobre seus hábitos e como veem o comportamento dos filhos em relação a tecnologias digitais. O índice de avaliação dos entrevistados sobre seus próprios hábitos foi menor tanto no uso excessivo de celulares (36%) quanto de redes sociais (23%).
 
 O percentual também foi menor quando perguntados se acessam o celular assim que acordam (20%). “Os pais estão de alguma forma menos preocupados com seu próprio uso da tecnologia do que os filhos estão em relação ao deles”, apontam os autores.
Já ao falar sobre seus filhos, 65% manifestaram preocupação com o tempo gasto pelos adolescentes com dispositivos digitais. Dos homens e mulheres ouvidos, 72% relataram que estes se distraem em uma conversa presencial por estarem de olho no celular, sendo 30% o tempo inteiro e 42% de vez em quando. Em razão dessa preocupação, mais da metade (57%) limitam o tempo que seus filhos podem passar utilizando esses dispositivos. Agencia Brasil
 
agosto 28, 2018

INTEGRANTE DO PCC É MORTO EM TROCA DE TIROS COM AS POLÍCIAS DE PE E AL



Um integrante do (PCC) Primeiro Comando da Capital, foi morto em uma troca de tiros com policiais militares de Pernambuco e Alagoas, durante uma operação nesta segunda-feira (27), em Bom Conselho, no Agreste de pernambucano.

Ewerton Barbosa Canuto, de 34 anos e a companheira dele Missicleide da Silva Pereira, de 31, estavam escondidos em uma residência no bairro Treze, contra o casal havia um mandado de prisão. Ewerton, era um elemento considerado de alta periculosidade, membro do PCC, autor de diversas crimes no Estado de Alagoas, de acordo com o Blog Agreste Violênto.

O bandido ao perceber a chegada dos policiais efetuou disparos de arma de fogo, no confronto levou dois tiros, foi socorrido para a emergência do Hospital Monsenhor Alfredo Dâmaso, em Bom Conselho onde acabou morrendo. Missicleide, tentou fugir, foi capturada e recolhida para o Sistema Prisional de Alagoas.

Fonte : O Povo com a Notícia

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

agosto 27, 2018

IF Sertão-PE promove segunda reabertura do edital do Processo Seletivo do Proeja para preenchimento de vagas remanescentes



IF Sertão-PE promove segunda reabertura do edital do Processo Seletivo do Proeja para preenchimento de vagas remanescentes

O IF Sertão-PE divulgou, na sexta-feira (24), a segunda reabertura do edital nº 24/2018 para preenchimento de vagas remanescentes do Processo Seletivo do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos (Proeja). 

As inscrições estarão abertas até a quarta-feira, 29 de agosto. 

As vagas estão distribuídas entre os campi Petrolina, Salgueiro e Ouricuri.
Outras informações no site do IF Sertão – PE.
Da Redação noticiamarciobatista.com.br
agosto 27, 2018

PRISÃO EM FLAGRANTE -POSSE IRREGULAR/ILEGAL DE ARMA DE FOGO NO CENTRO DE ARARIPINA PE

 
POLICIA  CIVIL-DINTER II 24a DESEC/200a CIRC/ 11a DPRN DENARC



* PRISÃO EM FLAGRANTE -POSSE IRREGULAR/ILEGAL DE ARMA DE FOGO*

*Local da prisão: Centro de  Araripina
Data: 27.08.2018
Hora: 10:00 hrs.
Tipo:  Art.  12- Posse Ilegal de arma de fogo.

Os Policiais Civis Edelson Borges, Alexandre Campelo, Francisco Ronielson e Policiais Civis Araújo  e Rafael Rocha seguindo as determinações do Delegado Ailton Júnior, sob a coordenação  do Delegada  Seccional Katyanna Alencar Muniz  , prenderam em flagrante  delito JOSÉ IVANILSON DE LIMA NUNES - CONHECIDO POR "VANILSON DO LAVA JATO", DN-20/06/1983,  35 ANOS, RG: 8.167.237 SDS/PE e CNH- 04096811003 , por crime de posse ilegal de arma de fogo, com ele foi encontrado um revólver calibre 38, com 5 munições intactas .


 O Preso  foi conduzido para delegacia, apresentado a autoridade policial, tendo sido autuado em flagrante .  Após os procedimentos  de praxe o mesmo fora recolhido a cadeia Pública de Araripina-PE. 

Essa é mais uma ação preventiva da Polícia Civil na cidade de Araripina-PE, seguindo as diretrizes do Pacto Pela Vida no combate à criminalidade.
Fonte .
PMPE – 7º BPM/9ª CIPM


agosto 27, 2018

CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA EM TRINDADE /PE



POLICIA  CIVIL-DINTER 2 / 24a DESEC e 200a CIRC-ARARIPINA-PE



CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA

Local: Av. Central Sul, Centro. Trindade.
Data: 27.08.2018
Hora: 12:00 hrs.

Tipo:  Art. 121 CPB, Equipe de policiais civis da 205 Circ. Trindade PE,  composta pelo Delegado Moary Drumond e pelos Investigadores Silvio Gonçalves, Claudio Couto e escrivão Walterb Noleto, seguindo as instruções do Delegado que compõem a equipe  e sob a coordenação e da Delegada Seccional Katyana Muniz , após intensa investigação e buscas, deram cumprimento ao mandado de prisão  n.90812.28.2005.8.26.0224.0001, de 11/07/2014,  expedido pelo juizo de direito, vara do júri, de Guarulhos SP,  em desfavor de JOSÉ ROBERTO DELMONDES DA SILVA, filho de Fco. 

Luiz Silva e de Pedrina Delmondes da Silva, 43 anos, natural de Trindade PE, cidade onde foi preso por prática Homicídio. 

A prisão ocorreu no centro de Trindade. Após os procedimentos  de praxe o mesmo foi recolhido a cadeia Pública de Trindade-PE. Essa é mais uma ação de Captura da Polícia Civil na cidade de Trindade-PE, seguindo as diretrizes do Pacto Pela Vida no combate à criminalidade.
Fonte PMPE – 7º BPM/9ª CIPM

domingo, 26 de agosto de 2018

agosto 26, 2018

Pernambuco cria protocolo para combater feminicídios


Mulheres continuam sen­do assassinadas em todo o Brasil unicamente pela condição de serem mulheres. Crime que, desde 2015, graças a um decreto-lei, passou a ser chamado defeminicídio e considerado hediondo. Nesta sexta-feira, a Polícia Civil de Pernambuco, dentro de uma operação nacional batizada de Cronos, cumpriu quatro mandados de prisão nos municípios de Recife, Goiana, Caruaru, Afogados da Ingazeira, além de outros dois mandados cumpridos antecipadamente no dia 22, no Cabo de Santo Agostinho, visando combater esse tipo de crime. 

Em todo o País, a Operação Cronos prendeu 643 suspeitos, como pode ser visto mais detalhadamente no caderno Brasil. Alguns dos responsáveis por fazer com que o País registrasse, em 2017, o alarmante número de 4.539 mulheres assassinadas, dos quais 1.133 foram considerados feminicídios.
 
 Um aumento expressivo se comparado ao ano de 2016, quando foram registrados 929 casos do tipo. Na contramão, Pernambuco, que teve 112 feminicídios registrados em 2016, diminuiu o número para 76, em 2017, saindo da 6ª para a 9ª posição no ranking nacional.
 
 A maior redução percentual (-32,6%) na taxa anual. Esses dados são do Fórum Nacional de Segurança Pública, baseados nos dados da Secretaria de Defesa Social (SDS) que aponta, ainda, 2018 com 29 registros de feminicídios até o mês de julho. 

“Isso porque as mulheres passaram a ter uma maior percepção do que é a Lei Maria da Penha, criada há 12 anos, e passaram a procurar ajuda. Existe toda uma rede que vai crescendo e se fortalecendo para aplicar essas leis e proteger as mulheres”, explica a secretária da Mulher de Pernambuco, Silvia Cordeiro, que anunciou, ontem, a criação de um protocolo inédito no Brasil criado para fortalecer o combate à violência de gênero.
 
 O protocolo, que adere às diretrizes do Modelo Latino-Americano de Investigações de Mortes Violentas de Mulheres por Razões de Gênero, indicado pela ONU, será lançado na próxima terça-feira. Trata-se do primeiro documento do país estruturado em forma de Resolução Conjunta, realizado com a participação das secretarias estaduais da Mulher, Justiça e Direitos Humanos, Defesa Social, Defensoria Pública, Tribunal de Justiça de Pernambuco e Ministério Público de Pernambuco (MPPE).

Rio de Janeiro, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Piauí e Maranhão possuem o protocolo, mas em sistemas isolados e com atuação separada. “Para dar sustentabilidade e fazer articulações entre as instituições, o protocolo vai ser único. A Polícia sabe como o Ministério vai atuar, que por sua vez sabe os passos que a polícia fez para chegar a essa evidência. A gente quer que esses profissionais tenham um trabalho coordenado”, ressalta Silvia Cordeiro. 
De acordo com a secretária, é um instrumento que fará com que os profissionais do sistema de segurança e de justiça comecem a fazer o trabalho de investigação, processo e julgamento a partir de uma perspectiva de gênero.

“Então, vamos ter estatísticas reais de quantas mulheres ainda estão sendo assassinadas por essa condição e atuar na prevenção. Daí a importância de se dar o nome correto para esse tipo de crime, feminicídio.” O decreto que alterou a nomenclatura de crime passional para feminicídio foi assinado há quase um ano, no dia 4 de setembro de 2017, pelo governador Paulo Câmara, e foi o primeiro passo para a criação do protocolo. “O segundo foi instituir o Grupo de Trabalho Interinstitucional sobre Feminicídio. E agora o protocolo. Mas essas normas sozinhas não vão acabar com o problema. A sociedade tem que entender que todo esse crime está organizado em cima de uma cultura machista, patriarcal, o feminicídio é mais um resultado. Está na cultura. É preciso realmente um esforço da sociedade de trazer os homens para esse entendimento. O movimento de mulheres está fazendo a sua parte, pedindo para que deixem elas em paz. É possível mudar essa cultura”, espera Silvia. Um exemplo de iniciativa que vai de contra essa estrutura machista e patriarcal citada por Silvia é a Aqualtune Produções.

A produtora foi criada pela jornalista Lenne Ferreira há quase um ano para dar visibilidade a mulheres negras de periferia que tentam se inserir no mercado cultural, mas enfrentam várias dificuldades. “A Aqualtune surgiu assim porque eu fui reclamar a um produtor da cidade que fazia shows de MC e não tinha mulher. E ele disse: ‘Está achando ruim? Faz tu.’ É uma dificuldade enorme produzir mulheres de periferia porque elas muitas vezes não têm sequer a passagem. A gente se ajuda porque muitas vezes nem sapatos elas têm para poderem se apresentar. Porque mulher preta e periférica não tem dinheiro para essas coisas”, afirma Lenne.

Ela explica, ainda, que muitas dessas mulheres ainda precisam enfrentar problemas psicológicos causados a partir das várias violências às quais foram submetidas ao longo da vida. “Muitas são violentadas, são ansiosas. É muito difícil. Já tive que sair correndo para socorrer algumas delas. Depois de tudo isso a gente ainda tem que lidar com os homens que vêm com piadinhas para cima da gente, xingando. E aí a gente para e se pergunta pelo que está lutando, por que estamos gastando a energia toda da gente nisso? As pessoas não entendem e nem nunca vão entender.”

Lenne aponta Negrita MC como exemplo de artista que precisa enfrentar várias batalhas para poder trabalhar na área. “Ela não pode pegar o cachê e investir na carreira dela, tem que pagar o aluguel que está atrasado, sustentar o filho. Isso é muito sério. Como é que uma artista tem seis anos de carreira e não tem um disco gravado? Qual o problema aí? Estrutural.” Aos 22 anos, e com um filho de um ano, Negrita MC conta com essa rede de apoio para reescrever a própria história.

“Às vezes tenho que levar meu filho comigo para os eventos abertos porque eu não tenho com quem deixar. E aí as outras mulheres chegam junto, tomam conta, enquanto eu me apresento. Tirar o sustento disso é muito difícil, eu não tenho um emprego. Às vezes, os produtores querem ganhar dinheiro em cima da gente porque é mulher que canta rap, mas não é assim. Existe toda uma demanda atrás dessa mulher, que não quer ser só paga. A gente quer ser representada, respeitada. Fora que existe uma objetificação enorme do corpo da mulher no meio artístico e isso tudo é muito difícil para a gente.”

De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil registrou, em 2017, 60.018 casos de estupros, um a cada dez minutos. Violência muitas vezes fruto dessa objetificação reclamada por Negrita. Em Pernambuco, 1.287 casos de estupros registrados de janeiro a julho de 2017, e 1.412 no mesmo período de 2018. 
 
Um aumento de 10%. Maria Dolores Fastoso, uma das coordenadoras à frente do Coletivo Mulher Vida, que combate a violência doméstica, sexual e sexista, acredita na força das iniciativas da sociedade civil na luta pelo fim do ciclo da violência contra a mulher e reverter números alarmantes como esses.

“Muitas vezes essas violências acontecem dentro de casa, e são imperceptíveis, até que se chega a um extremo que é denunciado. Então o problema é muito maior e o trabalho precisa ser feito de forma mais integrada.” O Coletivo Mulher Vida existe desde 1991 e tem sede em Olinda, ajudando a encaminhar mulheres, do Grande Recife, vítimas de violência, em busca de seus direitos. “Apesar de todas essas leis, os serviços continuam muito precários, tem uma perspectiva muito jurídica. 
 
E a violência muitas vezes deixa uma série de outras sequelas na mulher que o jurídico apenas não é o suficiente. É preciso ter um olhar mais objetivo. Então trabalhamos com o acolhimento, desde o primeiro momento”, explica Dolores.

“Trabalhamos o empoderamento da mulher, para que ela consiga isso. Com promoção de cursos, com apoio psicológico. Não trabalhamos com o agressor, mas com toda a família. A partir do momento em que essas mulheres criam noção da situação de violência em que estão inseridas, se emponderam, elas têm mais chance de sair desse ciclo.”

Empoderamento
As discussões sobre violência de gênero abrangem as mais diversas esferas da sociedade, inclusive no mundo literário. O Projeto Leia Mulheres, lançado no Brasil em 2015, faz parte de uma onda internacional que questionou a presença de apenas 14 escritoras em uma lista de 101 autores indicados para “entender o século”, viralizada nas redes sociais e sites. Reconhecendo que o mercado editorial ainda é muito restrito e as mulheres não possuem tanta visibilidade, o Leia Mulheres está presente em quase 100 municípios brasileiros trazendo a discussão.
Em Pernambuco, os grupos se reúnem no Recife e em Belém de São Francisco. Os encontros na Capital Pernambucana acontecem há três anos, atualmente no Centro Cultural Benfica. “É um grupo de leitura aberto a quem quiser comparecer, mulheres e homens. Tem escritoras que atraem um público maior, 20, 25 pessoas, mas no geral vão umas 15 em cada reunião“, explica Carol Almeida, uma das mediadoras do Leia Mulheres.

Em setembro, aniversário do projeto na cidade, o grupo vai acompanhar duas obras: Morfologia da dor, de Julia Larré e Fragmentos da não-existência, de Ana Nepô. “São os livros que venceram o Prêmio Nacional Mariposa Cartonera de Literatura Escrita por Mulheres em 2017 e estão sendo lançados pela Cepe.
 
 Vai ser dia 17 de setembro.” Os encontros, de acordo com Carol, acabam virando uma terapia. “Isso acontece porque, inevitavelmente, seja nas entrelinhas seja na enunciação expressa das palavras que correm algumas das histórias e personagens com as quais cruzamos, existem narrativas de fortalecimento entre as mulheres, há respostas a algumas violências ditas ou não-ditas”, defende Carol.
“Não é difícil que, em meio a debates sobre prosa ou poesia, a gente se encontre falando e curando nossos próprios traumas não somente a partir da literatura, mas fundamentalmente com ela. Nesse percurso, várias fichas e lágrimas caíram, assim como vários novos afetos e relações de cumplicidade foram estabelecidos. E o fato de que priorizamos nesse último ano ter uma equivalência no grupo entre escritoras negras e brancas ajudou muito nesse processo.” Leia mais em Panorama página 16. 
 
(Via: Folha PE)
agosto 26, 2018

Sargento da PMPE morre vítima de acidente de trânsito em Petrolina


Um acidente de trânsito ocorrido na noite deste sábado (25) na BR-407, próximo à comunidade de Terra Nova, zona rural de Petrolina, tirou a vida de um sargento da Polícia Militar lotado no 5º BPM. 
 
De acordo com informações, a vítima – Arruda Marques – também era presidente da associação de moradores da Cohab VI, zona oeste da cidade.

Segundo informações, o sargento morreu durante uma colisão entre um carro de passeio e uma van. Ainda segundo informações, o veículo de passeio era conduzido pelo policial, que veio a óbito ainda no local.
 
 A esposa da vítima teria sido encaminhada ao Hospital Universitário (HU), mas seu estado de saúde é desconhecido.
 (Via: Blog do Carlos Britto)

agosto 26, 2018

Sargento do Exército é assassinado a tiros em Nova Iguaçu


Gilson Alberto de Souza Amaral estava em um bar no bairro de Austin quando foi surpreendido por homens em duas motos

 

Segundo-sargento Gilson Alberto de Souza Amaral
Rio - Um militar do Exército foi assassinado na madrugada deste domingo em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. 

De acordo com a polícia, o segundo-sargento Gilson Alberto de Souza Amaral estava em um bar quando duas motos se aproximaram.

 O garupa de uma delas desceu do veículo e disparou vários tiros contra o militar.
O caso ocorreu na Estrada Luis Mário da Costa Lima, no bairro de Austin, por volta das 3h30.

 Agentes da Polícia Civil foram ao local para realização da perícia. 
Ninguém foi preso.
Fonte O Dia
agosto 26, 2018

Eu acredito em união e não em idividualismo

Precisamos trabalhar para construir uma sociedade  que respeite mais o seu próximo, e que possa viver em um Pais melhor onde as Mulheres sejam respeitadas e valorizadas por nos Homens.

 Precisamos de amor respeito e ter Deus sempre em primeiro lugar nas nossas vidas ,não podemos viver em um Pais onde a lei não seja comprida, eu não sou sou filiado a nenhum  partido  politico e muito menos tenho estimação por partido , voto no   protejo e que seja colocado em pratica.

E venha beneficiar nossa nação, a falta de saúde segurança educação ta grande no Brasil e isso não faz bem para o povo  que sofre tanto, deixo aqui meu recado para os políticos que estão concorrendo uma vaga este ano para representar o Brasil  em 2019.

 Não levem mentiras para seus palanques e não prometer o que não pode cumprir, sem mentiras é bem melhor  e respeita os eleitores e as famílias assim fica legal para a sociedade .

Esta é minha opinião na minha profissão de Radialista   levar a paz alegria e verdade para o nosso Pais abraço para todos.
Redação noticiamarciobatista.com.br

sábado, 25 de agosto de 2018

agosto 25, 2018

Capitã Myrelle é promovida ao posto de Major da Polícia Militar de Pernambuco

 Atuante no setor da 3ª CIA, em São José do Egito, pertencente ao 23º Batalhão de Policia Militar sediado em Afogados da Ingazeira, a Capitã Myrelle Cândido de Oliveira, foi promovida ao cargo de Major da Policia Militar de Pernambuco.

É responsável pelo excelente trabalho de prevenção e combate ao crime na área de São José do Egito e ainda por prisões de elementos de alta periculosidade na região.

A agora Major Myrelle, foi promovida pelo principio da antiguidade Decente de acordo com a Lei Complementar n° 320, de 23 de Dezembro de 2015, através de proposta dirigida pelo Comandante Geral da Policia Militar de Pernambuco, para o Quadro de Oficiais Militares- QOPM da aludida corporação com efeito retroativo de 08 de Agosto de 2018.
Fonte  cauerodrigues.com

agosto 25, 2018

Polícia Cientifica de Pernambuco parabeniza a Dra/Vanja Coelho pela notável conquista.


 A perita criminal Doutora .
Vanja Coelho foi empossada como imortal na .

Academia  internacional de Literatura e Artes no dia 24/08/2018.
A polícia Científica de Pernambuco parabeniza a Dra. Vanja Coelho,  pela notável conquista.

E todos os cidadãos de bem do nosso estado ficamos feliz em ter profissionais que nas suas profissões possa nos ajudar, para com isso ter mais agilidade nos casos que a perícia seja feita com êxito e mas rapidez  

Da redação noticiamarciobatista.com.br

Translator