Post Top Ad

Web Radio Venus

PUBLICIDADE

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

setembro 24, 2020

Ramal do Agreste: escavação do Túnel Ipojuca I é finalizada

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) concluiu, nesta quarta-feira (23), mais uma etapa de construção do Ramal do Agreste, em Pernambuco. A escavação do Túnel Ipojuca I, com 2,4 quilômetros de extensão, foi finalizada. Quando completo, o Ramal vai levar água do Projeto de Integração do Rio São Francisco à região de maior escassez hídrica no estado nordestino. Somente em 2020, foram investidos pelo ministério no empreendimento cerca de R$ 313,6 milhões.

Garantir abastecimento a populações que historicamente enfrentam escassez de água no Nordeste é um compromisso do presidente Jair Bolsonaro. Demos continuidade a esta e outras obras, pois elas garantirão mais saúde às famílias pernambucanas, além de estimular o desenvolvimento econômico e social”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

A escavação está localizada entre os quilômetros 54 e 56 da obra. Foram utilizados explosivos cuidadosamente controlados em ciclos sucessivos de detonações, que foram condicionados pelas características geológicas das rochas encontradas durante o processo. O túnel custou R$ 19,6 milhões em investimentos federais.

Situado no norte de Pernambuco, próximo à fronteira com a Paraíba, o Ramal do Agreste tem 70,8 quilômetros de extensão, com uma capacidade de vazão de 8 mil litros por segundo. No total, serão atendidas 68 cidades e mais de 2,2 milhões de pessoas. Além de segurança hídrica, a expectativa é de que o empreendimento ajudará a impulsionar o desenvolvimento econômico da região.

No total, a obra está orçada em 1,67 bilhão e conta com cerca de 2,6 mil trabalhadores e cerca de 580 equipamentos. A entrega do empreendimento, que completou 70,6% de execução, está prevista para junho de 2021.

Assessoria de Comunicação Social – Ministério do Desenvolvimento Regional


sexta-feira, 11 de setembro de 2020

setembro 11, 2020

Vacina da Oxford pode ser concluída até o final do ano, diz presidente da AstraZeneca

 

O ensaio clínico da vacina da Universidade de Oxford em parceria com a farmacêutica AstraZeneca pode ser completada ainda em 2020, segundo o presidente da empresa, Pascal Soriot.

O anúncio foi dado em uma entrevista à imprensa na manhã desta quinta-feira (10) com alguns investidores da companhia, dois dias após a empresa anunciar a pausa do estudo devido ao relato de efeito adverso em um voluntário.

A participante, uma mulher no Reino Unido que tomou a vacina, e não o placebo, apresentou sintomas neurológicos consistentes com uma inflamação espinhal rara, chamada mielite transversa, afirmou Soriot, ao mesmo tempo em que disse que o diagnóstico não havia sido concluído.

“Um comitê especialista deve ainda confirmar o diagnóstico, mas ela está melhorando e provavelmente terá alta do hospital até a próxima quarta-feira”, disse.

Em nota, a Universidade de Oxford afirmou que a pausa “é uma ação rotineira que deve acontecer sempre que houver uma doença potencialmente inexplicada em um dos estudos, enquanto ela é investigada, garantindo a manutenção da integridade dos testes”.

“Na AstraZeneca colocamos a ciência, a segurança e os interesses da sociedade no coração do nosso trabalho. Esta pausa temporária é a prova de que seguimos estes princípios, enquanto um único caso em um de nossos centros de testes é avaliado por um comitê de especialistas independentes”, completou Soriot. (Folha/PE)

setembro 11, 2020

Preço do arroz pode subir ainda mais, diz associação de supermercados

 

A tendência para o preço do arroz é de nova alta nos próximos dois meses se o consumo se mantiver no ritmo atual, afirma Ronaldo Santos, presidente da Apas (Associação Paulista de Supermercados). “Se a saca de 50 kg se mantiver na faixa de R$ 100, em 30, 60 dias podemos ver o repasse total ao consumidor no varejo. Pode ser que não chegue [ao repasse total], depende do mercado. A tendência é de alta, mas não em cima dos R$ 40 que estão comentando”, afirmou em entrevista à reportagem nesta quinta-feira (10).

Segundo ele, o preço médio do pacote de arroz vendido em supermercados paulistas é de R$ 20 (variando entre R$ 18 e R$ 23), e o preço poderia aumentar para cerca de R$ 30 nesse prazo. Os supermercados ainda não transmitiram todo o valor do alimento da indústria à gôndola, segundo Santos. Se o consumo não diminuir, o varejo terá de acessar novos estoques e um repasse seria inevitável, já que o preço na indústria deve se manter nessa faixa no curto prazo, afirma. (Folha/PE)

setembro 11, 2020

Homem é detido na BR 232, após comprar carro roubado no Recife

 

Veículo teria sido revendido de forma fraudulenta ao motorista
Um homem de 32 anos que estava em um veículo utilitário roubado foi detido nesta quinta-feira (10), durante uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal PRF, na BR 232, no Curado, na Zona Oeste do Recife. O veículo teria sido adquirido por R$42 mil e ainda estava sendo pago.
O flagrante foi realizado durante a abordagem a um carro com placas do Recife, no Km 6 da rodovia. Os policiais realizaram uma verificação no veículo e descobriram um registro de roubo do dia 2 de setembro deste ano na capital.
O motorista informou que havia adquirido o carro com um homem, que disse ter comprado em uma revenda de veículos. Mas a equipe descobriu que esse mesmo homem havia pego o automóvel emprestado e alegou ter sido roubado para fazer a transação ilegal.
O condutor foi encaminhado junto com o veículo à Central de Plantões da Capital, em Campo Grande na Zona Norte do Recife.
Assessoria PRF PE

sexta-feira, 4 de setembro de 2020

setembro 04, 2020

Chesf investe R$ 47 milhões no Ceará

 

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) está construindo no Ceará, com investimentos aproximados de R$ 47 milhões, o segundo circuito entre as subestações Russas II e Banabuiú.

Trata-se de uma linha de transmissão de aproximadamente 112Km de extensão (atravessa cinco municípios), com tensão de 230kV em circuito simples, 225 estruturas e uma entrada de linha em cada subestação interligada.

Esse reforço aumenta a confiabilidade do sistema elétrico evitando sobrecarga no único circuito que hoje atende à demanda, considerando o potencial previsto na região conectado nas subestações Russas II, Mossoró II e ICG Mossoró III.

O empreendimento permitirá um incremento de receita anual de mais de R$ 5,5 milhões aos cofres da Empresa.

Por – Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf)

setembro 04, 2020

Governo envia ao Congresso proposta de reforma da administração pública


Objetivo das mudanças previstas é modernizar o Estado e melhorar a qualidade do serviço prestado ao cidadão O Governo Federal encaminhou ao Congresso Nacional, nesta quinta-feira (03), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) para a nova administração pública que estabelece mudanças nas regras do funcionalismo público. De acordo com Ministério da Economia, as mudanças buscam modernizar o Estado e melhorar a qualidade do serviço prestado à população. A proposta de reforma administrativa prevê transformações estruturais ao estabelecer novos regimes de vínculo no serviço público, alterações na organização da administração pública, na gestão de desempenho, nas diretrizes de carreira, nas funções, gratificações e ajustes no estatuto do servidor. As novas regras valerão apenas para os servidores que forem contratados após a aprovação das alterações. Para os servidores atuais, permanece sem mudanças. Segundo o secretário especial da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Mário Paes de Andrade, a reforma administrativa é fundamental diante do atual cenário brasileiro. “O cenário atual é insustentável porque temos a perda da capacidade de investimento, temos a falta de recursos para manter a prestação de serviços básicos, os equipamentos começam a sofrer e, finalmente, temos o comprometimento do limite da folha de pagamento”, disse. “Não mexeremos na estabilidade e nos vencimentos dos servidores atuais. Mantivemos na nova administração o que o modelo atual tem de bom, estamos mantendo o concurso público, a transparência tão cara a todos os governos, a atratividade”, acrescentou o secretário especial. Mudanças propostas O atual regime jurídico único para ingresso no serviço público dá lugar a cinco vínculos distintos, alguns deles sem a garantia de estabilidade. Fica previsto, por exemplo, o ingresso por seleção simplificada para cargo de liderança e assessoramento e para vínculo por prazo determinado. Um exemplo desse último caso seria a contratação temporária de profissionais especializados para vistoriar barragens no país. A proposta prevê ainda mudanças na forma de desligamento dos servidores. Os motivos previstos atualmente são sentença judicial transitada em julgado, infração disciplinar e insuficiência de desempenho. Este último ainda precisa de regulamentação. O desligamento passaria a ser possível sem a necessidade de aguardar o trânsito em julgado da sentença, valendo também a decisão judicial proferida por órgão colegiado. E o rendimento insuficiente será regulamentado por lei ordinária. Não será mais necessária lei complementar. A proposta simplifica as regras de acumulação de cargos. O servidor pode acumular mais de um cargo, desde que observada a compatibilidade de horário. No caso do ocupante do cargo de carreira típica de Estado, só é permitido o acúmulo para atividade de docência e da área de saúde. Para o secretário especial Caio Mário Paes de Andrade, o Estado brasileiro está refém de regras ultrapassadas que engessam a prestação de serviço e oneram a máquina pública. “Esse não é um projeto de governo, é um projeto de Estado. É a diferença entre o novo e o velho, entre se inserir no mundo e ou se isolar do mundo. São as bases de uma nova forma de administrar o país. Essa não é uma missão somente do Governo Federal, a sociedade precisa entender os desafios colocados e ajudar, através de todos os meios democráticos e republicanos, a pautar a discussão”, disse. Benefícios Para os novos servidores que ingressarem no serviço público ficam proibidos a promoção ou progressão exclusivamente por tempo de serviço, o adicional por tempo de serviço, aumentos retroativos e a redução de jornada sem redução de remuneração, salvo por motivo de saúde. Fica vedado também mais de 30 dias de férias por ano e a aposentadoria compulsória como modalidade de punição. Fica proibida também a incorporação de cargos em comissão ou funções de confiança à remuneração permanente. E estabelece a aposentadoria compulsória aos 75 anos para os empregados públicos, o que hoje vale apenas para os servidores públicos. Congresso Nacional A reforma administrativa ainda precisa ser analisada e aprovada pela Câmara e pelo Senado para virar lei. “Sabemos que o Congresso Nacional, como sempre faz quando chamado, saberá conduzir essa grande transformação administrativa”, disse o secretário especial Caio Mário.Fonte:Didi Galvão

segunda-feira, 31 de agosto de 2020

agosto 31, 2020

Municípios podem ser beneficiados com recolhimento de impostos do ISS

 

O PLP 170/2020 regula o recolhimento do ISS pelo município do consumidor aprovado pelo Senado

O projeto que estabelece regras para o recolhimento do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) pelo município onde está o cliente (destino) ao invés de onde está a empresa prestadora do serviço, foi aprovado pelo Senado Federal na última quinta-feira (27).

O PLP 170/2020 regula o recolhimento do ISS pelo município do consumidor, fazendo a transição para o que foi determinado na legislação de 2016, por outro projeto da Casa, mas que foi alterado na Câmara dos Deputados. Desta forma, o texto, que favorece as cidades do interior, segue para sanção presidencial.

A aprovação da matéria foi resultado de articulação dos municípios por meio da Confederação Nacional de Municípios (CNM). De acordo com o presidente da CNM, Glademir Aroldi, essa proposta foi trabalhada pela entidade afim de que a receita gerada pelo ISS não ficasse concentrada em poucos municípios, mas fosse repartida de forma mais igualitária por todo país.
É uma questão bem simples de se explicar como a proposta pode trazer mais equilíbrio, explica Aroldi, basta que “imaginemos uma operação de cartão de crédito, que acontece em todos os municípios do Brasil. Essa operação, ela tem ISS, mas ele estava sendo recolhido onde? Na sede do cartão de crédito, não no destino, lá onde acontece efetivamente a operação. Com isso, vamos buscar a tão sonhada justiça tributária”, pontuou.

A senadora, Rose de Freitas (Podemos-ES), foi a relatora do projeto votado na forma de substitutivo aprovado na Câmara ao Projeto de Lei do Senado (PLS) 445 de 2017, de autoria do ex-senador Cidinho Santos. Segundo a parlamentar, o PLS altera a Lei Complementar que trata sobre o padrão nacional de obrigação acessória do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), de competência dos Municípios e do Distrito Federal, incidente sobre alguns tipos de serviços.

Segundo Rose de Freitas, imensos obstáculos operacionais podem ser transpostos se o recolhimento do ISS puder ser feito por meio de uma guia única, com data específica de pagamento, por tipo de operação realizada, agregando-se assim milhões de operações isoladas, em um ambiente seguro, acessível apenas mediante certificação digital, para assegurar a manutenção do sigilo fiscal.

“É necessário fazer valer a fórmula adotada pelo PLS 445/2017 complementar, pois consideramos mais vantajosa, haja visto que traz contribuição reforçada para a uniformização de procedimentos no substitutivo e, consequentemente, para o aumento da segurança jurídica dos contribuintes desse imposto”, afirmou a senadora.

O texto aprovado também prevê período de transição na forma de partilha entre o Município do domicílio da sede do prestador do serviço e o Município do domicílio do tomador do serviço. Essa foi a alternativa encontrada para atender o pleito dos Entes que teriam perdas de arrecadação por conta das mudanças no modelo de depósito, evitando impactos nas políticas públicas locais.

Para 2020, o texto mantém a distribuição de 100% do ISS nos Municípios sede; reduzindo para 33,5% em 2021, com 66,5% nos Municípios do domicílio do tomador. Em 2022, o critério fica 15% reservados aos Municípios sede, e 85% para os do domicílio. A partir de 2023, o imposto passa a ser recolhido integralmente aos Municípios do domicílio do tomador, onde é de fato prestado o serviço.

Fonte: Brasil 61


sábado, 22 de agosto de 2020

agosto 22, 2020

Pai e Filha são vítimas de atentado em Serra Talhada; jovem veio a óbito e pai segue em estado grave

 

           Polícia dos EUA usa música de filme terror em alarme para toque de ...

 

A jovem Rafaela Maria Alves da Silva, morreu após tentar salvar o próprio pai num atentado no bairro Vila Bela, em Serra Talhada na noite de ontem (21). Segundo o Hospital Regional Agamenon Magalhães (Hospam), Rafaela sofreu uma parada cardiorrespiratória no bloco cirúrgico.

A outra vítima do atentado, Adnaldo Afonso Alves, pai de Rafaela, foi transferido para uma UTI, num hospital particular da cidade, e seu estado ainda é grave.

Segundo informações da Polícia Civil, pai e filha foram atacados por dois homens, numa motocicleta, quando estavam na calçada de casa. Os bandidos chegaram fazendo disparos e fugiram em seguida. |Farol de Notícias|

agosto 22, 2020

Mega-Sena sorteará prêmio de R$ 40 milhões neste sábado

 

 

A Mega-Sena pagará R$ 40 milhões aos acertadores do concurso 2292, a ser realizado neste sábado (22). Segundo a Caixa Econômica Federal, as seis dezenas serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa em todo o país ou pela internet. A cartela, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

agosto 22, 2020

Ruptura em tubulação de barragem no Ceará não oferece riscos; vazamento já foi contido

 

 

Estrutura que recebe as águas do rio São Francisco para distribuir ao Estado teve ruptura em encanamento nesta sexta-feira, 21, em Jati. Não há riscos à população e nem à barragem

Após avaliação feita por engenheiros da obra e técnicos da Defesa Civil de Jati, foi constatado que o rompimento da tubulação de barragem que recebe água da Transposição do Rio São Francisco no Ceará não oferece riscos de danos à estrutura e nem à população. Conforme o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), os testes operacionais do Cinturão das Águas (CAC), que teve comporta do Eixo Norte aberta nessa quinta-feira, 20, serão mantidos. Pasta informou que o vazamento já foi contido.

O rompimento foi registrado na tarde desta sexta-feira, 21, quando o vazamento de uma das tomadas d’água causou a ruptura do encanamento e assustou moradores da região. De acordo com nota do MDR, equipes técnicas atuam desde o inicio da ocorrência com o objetivo de realizar os reparos na estrutura. Equipes seguem trabalhando no local para avaliar possíveis danos e intervenções.

 

Com o vazamento de água, a rede elétrica da estrutura acabou sendo atingida e foi preciso instalar um gerador para garantir o fechamento da comporta. “A situação no local está estabilizada após o fechamento da comporta. Equipes técnicas da Pasta mantêm os trabalhos em campo para verificar danos à estrutura e avaliar necessidades de reparos”, diz nota do MDR.

“De acordo com as avaliações de engenheiros no local, não há riscos à infraestrutura da barragem nem a regiões no entorno”, frisa a pasta. A ruptura ocorre um dia após a comporta do reservatório Jati, no interior do Ceará, ser acionada para liberar as águas do São Francisco para o abastecimento do Estado.

O Corpo de Bombeiros confirma que nenhum dano ou alagamento foi causado em residências da região. O titular da Secretaria dos Recursos Hídricos do Ceará (SRH), Francisco Teixeira, afirmou que há preocupação de que a água cause erosão na barragem.

Via O Povo Ceará

quarta-feira, 19 de agosto de 2020

agosto 19, 2020

Mistério ronda o sertão pernambucano!

 

Em menos de uma semana, dois eventos de origem ainda não esclarecida causou perplexidade nos moradores de vários municípios do sertão pernambucano, clarão nos céus e estrondo ensurdecedores, vem sendo objeto de muitos comentários nas redes sociais.

Na ultima sexta-feira dia 14 de agosto um clarão foi visto e gravado por câmeras instaladas em varias cidades, já nesta quarta-feira dia 19 de agosto, moradores da cidade de Santa Filomena no sertão do Araripe também no estado de Pernambuco ouviram estrondo e logo em seguida grupos de whatsapp publicaram fotos de um possível objeto que teria caído no interior do município.

As redes sociais acabam sendo a forma mais rápida de as pessoas divulgarem e comentarem o que acontece em suas cidades, quando algo é de origem não conhecida aí é que os comentários ganham mais força. Isso se dá até mesmo com os sustos casados por fenômenos. Com os moradores de Santa Filomena não foi diferente, muita gente relatou hoje ter ouvido um barulho estranho e até o momento estão sem entender o aconteceu.

quarta-feira, 12 de agosto de 2020

agosto 12, 2020

Dia Mundial do Papagaio é celebrado hoje

 

Hoje (12/08) é o dia dele! Pela graciosidade, pelas palavras que fala, o papagaio é uma das aves mais criada e vendida ilegalmente. Alvo do tráfico de animais silvestres, muitos papagaios já foram resgatados pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) e soltos na natureza. Por meio do projeto Papagaio da Caatinga, que em 2020 completa dez anos de criação, cerca de 400 papagaios já foram devolvidos ao seu habitat natural.

Nem todos os animais que chegam à CPRH são resgatados de ações criminosas. A entrega voluntária de animais silvestres aumentou muito, nos últimos anos, inclusive por conta do projeto de Educação Ambiental, Fauna Livre. Antes de retornarem à natureza, os animais passam um período no Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), unidade da CPRH, sendo cuidados e reabilitados.

agosto 12, 2020

Sem vencer na Série B, Dal Pozzo não resiste a tropeço e não é mais técnico do Náutico

 

 

Alvo de grande insatisfação da torcida e bastante pressionado desde o início da Série B por causa dos insucessos em 2020, o técnico do Náutico, Gilmar Dal Pozzo, não resistiu tropeço diante do Operário-PR, na estreia em casa pela Segundona, e acabou sendo demitido pela diretoria alvirrubra.

Vindo de uma sequência de três jogos sem vitórias, sendo um deles o que culminou com a queda no Estadual, Dal Pozzo viu o desempenho do time cair vertiginosamente após a eliminação na Copa do Brasil diante do Botafogo. Esta foi a segunda passagem do treinador pelo Timbu. Após chegar em 2019, o técnico conseguiu o acesso à Série B e o título da Terceira Divisão.

Após a derrota contra o Avaí e o empate diante do Operário-PR, o Timbu chegou a três jogos sem vencer desde a retomada das partidas. Neste recorte pós-intertemporada, foram apenas duas vitórias, dois empates e duas derrotas, com direito a eliminações no Estadual e Copa do Nordeste.

Em pouco mais de um ano de trabalho, Dal Pozzo conseguiu um percentual de 60% de aproveitamento em 42 partidas. Foram 21 vitórias, 13 empates e oito derrotas, sendo apenas duas jogando como mandante. Em 2020, foram 20 partidas, com nove vitórias, sete empates e quatro derrotas.

Considerando as duas passagens, Dal Pozzo fecha sua trajetória com 70 partidas disputadas com 36 vitórias, 20 empates e 14 derrotas. Na primeira passagem, entre 2015 e 2016, o treinador acabou sendo demitido após a eliminação no Estadual diante do Santa Cruz, comandado à época por Milton Mendes.

Vale lembrar que antes da queda do treinador, já estavam sendo veiculados os nomes de Marquinhos Santos e Elano como postulantes ao cargo de novo comandante do Timbu, que atualmente ocupa a 15ª posição na Série B com um ponto ganho.

Números de Dal Pozzo

Primeira passagem (2015-2016)
28 jogos 

15 vitórias 
7 empates
6 derrotas 
62% de aproveitamento

Segunda passagem
2019
22 jogos

12 vitórias 
6 empates
4 derrotas
64% de aproveitamento

2020
20 jogos

9 vitórias
7 empates
4 derrotas
57% de aproveitamento

Total
70 jogos

36 vitórias
20 empates
14 derrotas
61% de aproveitamento

segunda-feira, 3 de agosto de 2020

agosto 03, 2020

Combate ao narcotráfico: FAB intercepta aviões com 1,1 tonelada de cocaína no Mato Grosso do Sul

Dois aviões carregados com um total de 1.150 quilos de cocaína foram interceptados por caças da Força Aérea Brasileira (FAB) e obrigados a pousar, neste domingo, 2, em Mato Grosso do Sul. Na primeira ação, um monomotor Minuano foi interceptado pelos caças tucanos após serem avistados na região do Pantanal, próximo da fronteira com a Bolívia. O monomotor foi escoltado até o aeroporto de Rondonópolis, sul do Mato Grosso, e durante a abordagem foram encontrados 450 kg de cocaína. Os dois pilotos foram presos.

 

Na segunda ação, um avião levantou suspeita ao voar em baixa altitude e sem comunicação do plano de voo pelo piloto. A aeronave teria entrado em território brasileiro pela região de fronteira entre a Bolívia e o Paraguai. Dois caças tucanos decolaram do aeroporto de Campo Grande e fizeram a abordagem de advertência para que o piloto pousasse no aeroporto de Três Lagoas, na região nordeste do Estado.

O bimotor, no entanto, arremeteu no momento do pouso e foi perseguido. A aeronave acabou pousando em uma fazenda no município de Ivinhema. Com as coordenadas passadas pela FAB, policiais da Força Tática de Nova Andradina foram até o local e localizaram o avião Beech Aircraft Baron, prefixo PR VCZ, carregado com malotes de cocaína, totalizando 700 kg. Não havia ninguém no avião. O piloto fugiu possivelmente a pé pela mata próxima e era procurado.

Conforme a Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, os registros da aeronave foram levantados junto à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e o proprietário está sendo procurado. De acordo com a pasta, a suspeita é de que a droga foi embarcada na Bolívia e seguiria para São Paulo ou Rio de Janeiro. A FAB informou que as ações fazem parte da Operação Oslium, deflagrada para coibir o tráfico internacional transfronteiriço, com apoio do Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro.

Estadão.com

agosto 03, 2020

Tragédia: Acidente deixa pelo menos 10 mortos e 35 feridos na BR-277, em São José dos Pinhais

Trânsito estava parado devido a um acidente quando um caminhão em alta velocidade atingiu vários veículos.

Um acidente gravíssimo na noite deste domingo (02) envolvendo cerca 30 carros, quatro motociclestas e um caminhão deixou pelo menos 10 mortos e 35 feridos no km 78 BR-277, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

O cenário no local era de guerra. Mais de 30 viaturas dos bombeiros, do Siate, do Samu e da Polícia estiveram no local para dar conta dos feridos. Uma das causas do acidente, segundo informações de Bombeiros e Policiais Rodoviários Federais, foi à densa fumaça causada por um incêndio nas margens da pista, que prejudicou a visibilidade na rodovia.

As primeiras informações são de que o primeiro acidente foi entre um motociclista e uma viatura da Polícia Militar, que interditou a pista. Depois houve uma sequência de colisões, quando o motorista de um caminhão, sem enxergar os carros por causa da fumaça, em alta velocidade acabou praticamente passando por cima dos veículos que estavam já parados na pista. Há um ponto de ônibus próximo do local do acidente, onde, segundo testemunhas, havia pedestres.

A Polícia Rodoviária Federal sinalizou a pista para evitar que novos acidentes aconteçam. 

Várias pessoas começaram a chegar ao local por volta da meia-noite em busca de informações sobre os feridos e mortos no acidente, mas pouco se sabe sobre a identidade das vítimas. 

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do BLOG DO DIDI GALVÃO no (87) 99668-0606

terça-feira, 28 de julho de 2020

domingo, 26 de julho de 2020

julho 26, 2020

Dois homens são detidos com espingarda de transportadora de valores em Cabrobó

Arma estava escondida no forro do banco traseiro de um carro

Uma espingarda calibre 12 de uma empresa de transporte de valores foi apreendida na noite de sexta-feira (24), na BR 116, em Cabrobó, no Sertão de Pernambuco. A arma era transportada por um homem, de 31 anos, e um jovem, de 19, que foram detidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O flagrante foi realizado pelo Grupo de Patrulhamento Tático da PRF, no quilômetro 79 da rodovia. Ao abordar um carro com placas do Recife, os policiais realizaram uma verificação no automóvel e encontraram a espingarda escondida no forro do banco traseiro, coberta por um pano.

O passageiro assumiu a propriedade da espingarda e informou que havia sido contratado para entregar a arma no Recife. Ele disse ainda que havia contratado o motorista para ajudar no transporte.

A dupla foi encaminhada junto com a espingarda à delegacia de Polícia Civil de Cabrobó, que irá investigar o caso.

Assessoria PRF PE

julho 26, 2020

Policiais Militares do 5° BPM realizaram apreensão de 1Kg de maconha na PDEG

Neste sábado (25), por volta das 16h, a GT 5.116/ÁGUIA e MO 5.214, 5.215, 5.216 do 5º BPM, foram informadas pela equipe de serviço na PDEG que um indivíduo não identificado teria arremessado uma sacola plástica para dentro da unidade prisional, sendo verificado posteriormente que a mesma continha aproximadamente 1kg de Maconha. 

Após diligências e sem êxito na captura do indivíduo, o entorpecente foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas legais cabíveis.

Ascom 5º BPM/PMPE

Fonte: Didi Galvão 

segunda-feira, 20 de julho de 2020

julho 20, 2020

PRF detém 35 pessoas e apreende mais de meia tonelada de drogas em PE, BA e AL

Operação gerou prejuízo de cerca de R$2 milhões ao crime organizado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deteve 35 pessoas por tráfico de drogas e apreendeu 532,7 Kg de entorpecentes durante a Operação Carcará II, nos estados de Pernambuco, Bahia e Alagoas. As ações  foram realizadas entre os dias 2 a 19 de julho, com foco no combate ao crime em rodovias que fazem ligação com a região conhecida como “Polígono da Maconha”, localizada no Sertão pernambucano.

Ao todo, foram apreendidos 515,7 quilos de maconha,  15 quilos de pasta base de cocaína e dois quilos de skunk, o que representa um prejuízo estimado de R$ 2 milhões ao crime organizado. Nesse período, também foram apreendidos 39 veículos adulterados, sendo 26 roubados, resgatados 175 pássaros silvestres e recolhidas 3.311 peças de vestuário, carteiras e bonés com indícios de falsificação.

Além dos três estados participantes, a operação também contou com PRFs da Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Sergipe, Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul, especializados no enfrentamento ao narcotráfico. Todos os detidos foram encaminhados a delegacias de Polícia Civil de cada região.

A segunda fase da Operação Carcará foi realizada logo após a Muçambê III, que ocorreu de forma integrada entre a PRF, Polícia Federal (PF) e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE). Na ocasião, foram erradicados 538,8 mil pés de maconha no Sertão do estado, que poderiam produzir 180 toneladas da droga.

Fonte ;Assessoria PRF PE

Translator